Manchetes

Nosso Parceiro

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

São Cirilo e São Metódio e a Liturgia vernácula

Hoje a Igreja celebra a memória dos santos Cirilo (presbítero) e Metódio (consgrado bispo no final de sua vida), monges gregos que evangelizaram os povos eslavos no século IX. Celebravam a Liturgia na língua eslavônia e por isso foram acusados de heresia por alguns bispos francos. Em sua defesa, o Papa João VIII escreveu uma Bula na qual defendia que não era contra a Fé celebrar a Liturgia em línguas vernáculas. Isso mostra que a Igreja, apesar de valorizar o latim como língua oficial e sinal de unidade, nunca anatematizou o Vernáculo como alguns tradicionalistas dizem ao interpretarem erroneamente os Cânones do Concílio de Trento. Segue abaixo o texto da Bula:

"Certamente não é contra a fé e a doutrina cantar a missa em língua eslava, ou ler os santos Evangelhos ou os escritos do Novo ou do Antigo Testamento, bem traduzidos e interpretados, ou cantar os outros ofícios de horas, pois aquele que fez as três principais línguas, o hebraico, o grego e o latim, criou também as outras línguas para seu louvor e sua glória." (Papa João VIII. Bula Industriae Tuae, ano 880. PL CXXVI col. 906. In: KNOWLES, David; OBOLENSKY, Dimitri. Nova História da Igreja. Vol II - Idade Média. Petrópolis: Vozes, 1974, p. 31)
blog comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...