Manchetes

Nosso Parceiro

terça-feira, 10 de abril de 2012

No Tempo Pascal, algumas particularidades da Liturgia das Horas



Assim como na Missa, no Ofício Divino, durante todo o Tempo Pascal, a palavra Alleluia se repete generosamente, compensando e mesmo ultrapassando a medida de sua ausência durante a Quaresma.

O Alleluia está presente em todas as antífonas, tanto nas dos salmos quanto nas dos cânticos evangélicos (Benedictus em Laudes, Magnificat nas Vésperas, Nunc Dimittis nas Completas). Também os responsórios são adornados desta palavra hebraica que, em insuficiente tradução, equivale a "Louvai o Senhor", mas adquiriu, ao longo dos séculos, um significado de louvor e adoração propriamente ditos, sendo conhecida em toda a Cristandade.

Além destas particularidades do Tempo Pascal, existem as particularidades ainda mais especiais da sua primeira semana, a Oitava da Páscoa. Durante esta semana o Glória está presente em todas as Missas. No Ofício Divino, é o venerável hino Te Deum que se canta ou recita, todos os dias, no Ofício das Leituras, sendo que nos outros tempos litúrgicos só aparece aos Domingos (fora da Quaresma), Festas e Solenidades. Podemos perceber com clareza que a Oitava da Páscoa é um grande Domingo com oito dias de duração, por assim dizer.

Nas Completas, o Responsório é substituído. O que normalmente se diz:
Senhor, em vossas mãos, * Eu entrego o meu espírito.
Senhor, em vossas mãos, * Eu entrego o meu espírito.
Vós sois o Deus fiel que salvastes vosso povo. * Eu entrego o meu espírito
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.
Senhor, em vossas mãos, * Eu entrego o meu espírito.
...na Oitava da Páscoa dá lugar à antífona Haec dies:
Este é o dia que o Senhor fez para nós;
alegremo-nos e nele exultemos. Aleluia.
Em latim:
Haec dies quam fecit Dominus
exultemus et laetemur in ea, alleluia.
Um Alleluia se adiciona ao texto desta antífona conforme a partitura aqui mostrada

Em todas as Missas da Oitava da Páscoa o Gradual se constitui destas mesmas palavras, acrescentando em cada dia um versículo diferente tomado dos Salmos. No Sábado, o Gradual dá lugar a um Alleluia, cujo versículo é o próprio texto Haec dies.

Essas palavras, de modo especial, nos levam a viver todos os dias da Oitava da Páscoa como um só, ajudando-nos a também ampliar nossa celebração pascal durante todos os dias até Pentecostes. Assim é na Forma Ordinária. Na Forma Extraordinária, continuamos com a Oitava de Pentecostes (que gostaríamos de ver trazida à Forma Ordinária...). Como nunca terminássemos de celebrar a Páscoa, e verdadeiramente não terminaremos nunca: não só na própria eternidade, como também já aqui nesta Terra, todo Domingo, a "Páscoa semanal".
blog comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...