Manchetes

Nosso Parceiro

quinta-feira, 3 de junho de 2010

O pensamento dos Bispos acerca da Eucaristia

Neste dia em que a Igreja celebra Corpus Chirsti, o Salvem a Liturgia traz um especial com o pensamento de alguns Bispos acerca da Eucaristia:

"Tudo na Igreja se ordena para a Eucaristia e da Eucaristia. Parte novamente para o labor apostólico, a fim de buscar e conduzir tantos outros à  mesa da verdadeira vida, à mesa do Senhor. Portanto, é na Santa Missa, que temos o  ponto alto de nossa missão, uma expressão intensa de nossa fé em Jesus Cristo e um novo impulso para anunciá-lo a todos."

+ Dom Frei Cláudio Cardeal Hummes,OFM
Arcebispo Emérito de São Paulo-SP
Prefeito da Congregação para o Clero



"A Igreja que se reúne em torno da Eucaristia quer dizer: a Igreja que se reúne em torno de Jesus Cristo. Isto é a Igreja! E a partir desta realidade dos discípulos reunidos com Jesus Cristo é que nós olhamos o mundo, as questões deste tempo em que estamos inseridos, os problemas, as angústias, as esperanças e procuramos tirar as lições; procuramos partir de novo com esperança para a vida, a transformação deste mundo, segundo o Evangelho, segundo o Reino de Deus."

+ Dom Odilo Pedro Cardeal Scherer
Arcebispo Metropolitano de São Paulo-SP


"'Jesus Cristo está presente na Sagrada Liturgia', ensina-nos a Constituição sobre a Sagrada Liturgia do Concilio Ecumênico Vaticano II: Presente Ele está na Assembleia reunida em seu nome. E nós tantas vezes professamos: Ele está no meio de nós! Está presente nos ministros que agem em seu nome, no seu lugar, na sua pessoa, in persona Christi. Presente nos Sacramentos, presente especialmente na Santíssima Eucaristia, pois as espécies do pão e do vinho consagrados, tornam-se seu Corpo e Sangue: Isto é o meu corpo entregue por vós, este é o cálice do meu sangue derramado por vós, diz o Senhor. Como nos ensinou o servo de Deus João Paulo II: 'Na Eucaristia, se realiza de maneira sublime a Palavra de Jesus que diz: Eu estarei convosco todos os dias até o fim dos tempos'."

+ Dom Geraldo Lyrio Rocha
Presidente da CNBB

"A finalidade da Eucaristia é nos unir profundamente a Cristo: “Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele” nos ensina o Senhor. A Eucaristia é verdadeiramente um banquete. Basta lembrarmos que, quando celebramos a Eucaristia, a primeira coisa que vemos é uma “mesa” rodeada de flores. Todo altar nos dá esta ideia de refeição, de banquete, de ceia. Mas a Eucaristia não é somente o memorial da Ceia do Senhor. Ela é também sacrifício. Memorial da Morte e Ressurreição do Senhor Jesus Cristo. O sacrifício único de Jesus na cruz se atualiza em cada Eucaristia que celebramos. A Eucaristia é a presença viva do Senhor em nosso meio. Por isso as nossas igrejas precisam estar de portas abertas para que o povo visite o Senhor no sacrário para adorá-lo. Nossas igrejas não são museus. Não são templos para viverem fechados."

+ Dom Raymundo Damasceno Assis
 Arcebispo de Aparecida-SP
Presidente do CELAM






"Na Eucaristia, os cristãos afirmam a dignidade absoluta de cada filho de Deus. Comungando o Cristo no sacramento da Eucaristia, nos tornamos pessoas eucarísticas. Na Eucaristia, realiza-se o sonho de todo ser humano, a felicidade e a liberdade, que consistem em servir ao próximo, do mesmo modo como Jesus. Na oferta de sua vida, no seu sacrifício, experimentamos o amor do Senhor por cada ser humano."
+ Dom Eusébio Oscar Cardeal Scheid, SCJ
Arcebispo Emérito de São Sebastião do Rio de Janeiro-RJ

 
"Eucaristia é mistério de fé, porque este Pão não é, apenas, o símbolo da presença do Senhor entre os seus, por sua mensagem e por sua graça. Este Pão é Cristo, como Ele próprio afirmou “O pão que eu darei é a minha carne para a vida do mundo” (cf Jo 6,51). Não é um argumento humano que nos leva a aceitar esta presença do Senhor no pão eucarístico, mas somente a fé."
+ Dom José Cardeal Freire Falcão
Arcebispo Emérito de Brasília-DF


 
"A Eucaristia é resultado ardente de Jesus. Eucaristia forma discípulos quando descobrimos que preparamos bem as coisas da nossa fé. Se hoje as pessoas que estão aqui aprendessem só uma coisa eu ficaria feliz. Que ninguém faça esta pergunta: é obrigado ir a missa no domingo? Não é obrigado... É um prazer, é uma satisfação, é um privilégio! Discípulo é aquele que não se "arrasta" pelas coisas e sim as faz com amor. A Eucaristia ensina que cada um de nós deve viver de tal forma que um dia possamos dizer: "Já não sou eu quem vive, é Cristo que vive em mim". O mesmo ocorre entre nós, quando espalhamos a paz junto com os outros, quando de uma massa apática nós nos tornamos uma comunidade de irmãos. Eucaristia gera fraternidade. Na nossa Igreja guardamos a Eucaristia como o bem mais precioso e aqui ela está formando discípulos. Celebrá-la é dar a devida importância a todas as pessoas, é levar em conta que dentro de uma comunidade existem pessoas sadias e enfermas. Deus não brinca conosco, Deus tem milhões de caminhos para salvar uma pessoa, mas o caminho da vida na Igreja passa por uma preparação e participação na Eucaristia. É nessa direção que caminhamos. Eucaristia ensina a ser discípulo; ensina a ser Igreja."
+ Dom Alberto Taveira Corrêa
Arcebispo Metropolitano de Belém-PA



"Agradecer a Deus pela Eucaristia é fazer atualização do sacrifício de Cristo na cruz para a nossa salvação.  Que o Senhor Jesus se faça o centro da nação, para que esta possa testemunhá-lo no seu dia a dia através de uma vida coerente com a fé."
+ Dom João Braz de Aviz
Arcebispo Metropolitano de Brasília-DF


  

"A Eucaristia é o centro da nossa vida! É fonte geradora de todo o entusiasmo, de todo o dinamismo pastoral. Da Eucaristia parte toda a luz e da Eucaristia volta toda a maturidade da fé dos nossos agentes. É muito importante porque precisamos compreendê-la retamente, em todos os aspectos do Mistério Eucarístico; seja em seu significado teológico, seja na sua celebração litúrgica, sem particularismos, sem interpretações, na fidelidade à liturgia, como a Igreja nos oferece, mas, sobretudo, na compreensão profunda do Mistério celebrado. E para introduzir os fiéis, pedagogicamente, no Mistério Eucarístico celebrado é preciso que os sacerdotes que são colocados como ministros da Eucaristia, como presidentes da celebração eucarística, tenham o conhecimento do Mistério Eucarístico. O fim disto é que, por meio do seu serviço sacerdotal o povo possa sentir momento por momento o seu significado."

+ Dom Frei João Wilk, OFMConv.
Bispo Diocesano de Anápolis-GO

 

"A consciência da centralidade da Eucaristia está crescendo cada vez mais. Já faz tempo que  procuramos refletir sobre a centralidade da Eucaristia, ou seja, da mesa da Palavra à mesa do Pão. A primeira sem a segunda fica uma caminhada claudicante; a segunda sem a primeira pode ser uma farsa. Então, devemos sempre articular as duas, levando a Eucaristia a ser o centro do ser e do viver e do agir dos cristãos. Daí entendermos que a Eucaristia é sempre Eucaristia e se um Bispo não tem um coração eucarístico, como vai querer que a Diocese o tenha?!

+ Dom Carmo João Rhoden, SCJ
Bispo Diocesano de Taubaté-SP
 

 

"Na celebração da Eucaristia, partimos o mesmo Pão, o Corpo do Senhor, para levar a todos os que o comem à unidade da Igreja, o Corpo místico de Cristo. A finalidade da comunhão com Cristo na Eucaristia não é somente a de unir-nos a Cristo, mas também a de unir-nos entre nós, irmãos, e fazer-nos amar o que Ele ama e como Ele ama."
+ Dom José Negri, PIME
Bispo Diocesano de Blumenau-SC





 

 
"Sem padre, não há Eucaristia, e, sem Eucaristia, não há Igreja."

+ Dom Frei Joaquín Pertíñez Fernandez, OAR
Bispo Diocesano de Rio Branco-AC

 


"A Eucaristia significa ação de graças, mas significa também abertura, compromisso e partilha e isso deve acontecer na vida de todos os brasileiros, sobretudo na vida do jovem."

+ Dom Paulo Mendes Peixoto
Bispo Diocesano de São José do Rio Preto-SP

Um comentário:

  1. "Por isso as nossas igrejas precisam estar de portas abertas para que o povo visite o Senhor no sacrário para adorá-lo. Nossas igrejas não são museus. Não são templos para viverem fechados."

    e

    "Sem padre, não há Eucaristia, e, sem Eucaristia, não há Igreja."

    Trechos pilares. Achei-os muito pertinentes e fiquei feliz em encontrar pensamentos assim dos bispos.

    Glória a Deus!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...