Manchetes

domingo, 3 de maio de 2009

Missa de Casamento de Aline e Rafael Brodbeck

Meu casamento, em outubro de 2008, com a Aline, foi bastante comentado em Pelotas. RS Não por sermos tão importantes assim, mas pelo esplendor da liturgia. Após muitos anos, uma Missa bastante sacralizada: cantos gregorianos e polifonias sacras executados por um coro de monges da Congregação Monástica de Santa Cecília (de Caçapava do Sul, RS) e de leigos por eles dirigidos em Novo Hamburgo, RS; incenso; acólitos de batina vermelha e túnica; cerimoniário de batina e sobrepeliz; trechos em latim; trechos cantados; arranjo beneditino no altar (beneditino, pois deriva de Bento XVI, que tem arranjado o altar com as velas uma ao lado da outra, com a cruz no meio, ainda que celebrando versus populum); solos de órgão; Comunhão exclusivamente na boca e dada só pelo sacerdote - um legionário de Cristo; casula romana etc.

O celebrante da Missa, no rito romano moderno, forma ordinária, ainda que com trechos em latim, foi o Pe. Federico Juárez, LC, mexicano residente em Porto Alegre. A igreja é a belíssima Catedral de São Francisco de Paula.

Vejam os vídeos aqui:


Parte 1


Parte 2


Parte 3


Parte 4


Parte 5


Parte 6


Parte 7


Parte 8


Parte 9


Parte 10


Parte 11 (última)

5 comentários:

  1. Belíssima cerimônia.
    Nem parece uma paróquia do Brasil. Que sacralidade, que reverência, que respeito pela infinita Majestade de Deus.

    É uma pena que a "nova igreja" perdeu toda essa sacralidade e respeito pelo sagrado.
    Não sei como alguém pode preferir a barulheira carismatica com baterias e guitarras e deixar de lado o tesouro maravilhoso que é a música sacra.

    EU QUERO A IGREJA CATÓLICA DE VOLTA.

    O que eu mais quero é encontrar uma paróquia onde o Sacrifício incruento da Santa Missa, seja celebrado com toda a dignidade e zelo. Será que é pedir muito ?

    ResponderExcluir
  2. Parafraseando o SOUZA :Belíssima cerimônia.
    Nem parece uma paróquia do Brasil. Que falta de sacralidade, que irreverência, que desrespeito pela infinita Majestade de Deus.

    É uma pena que a "esta nossa igreja" perdeu toda noção de sacralidade e respeito pelo sacerdote e pelo lugar sagrado!

    ResponderExcluir
  3. Realmente a sacralidade e respeito se perderam... A mesma sacralidade e respeito de missas em latim que o povo não entendia e tinha que ficar rezando o terço para passar o tempo. Sacralidade e respeito que afastava os leigos do altar e de tudo que é sagrado. Sacralidade e respeito que não permite as pessoas receberem o Corpo de Cristo em suas mãos, quando Cristo (o Jesus de Nazareh) passou a vida a tocar nas feridas das pessoas e abraçando os leprosos... Sem falar nos jantares com os com os cobradores de impostos e prostitutas. Essa sacralidade e respeito que era tão cultuada até pelos fariseus, se perdeu quando Deus se fez menino pobre na manjedoura de Belém, cresceu humilde e quando já adulto resolveu se juntar a escória da humanidade rompendo com todas as leis e regras do seu tempo, para dizer que o Amor e o perdão são as leis e regras fundamentais da vida! As vezes me pergunto se o Deus que querem cultuar com toda essa Sacralidade e respeito é o mesmo que Jesus apresentou como o Pai do filho prodigo e em tantas outras parabolas e comparações... Será que é tão absurdo assim ver Deus em toda sua infinita Majestade em uma Missa simples no meio de uma gente pobre e sofrida sedenta de Eucaristia, que tem apenas o suco do fruto da videira e o pão do suor de seu plantio, um Sacerdote e uma toalha branca estendida sobre uma pedra... Realmente "esta nossa Igreja" perdeu toda noção... O que conforta é saber que muitos também diziam que Jesus era um louco e qua não tinha respeito pelas leis, regras, preceitos e que não respeitava as Sacralidades e respeito de seu tempo...

    ResponderExcluir
  4. Olá! Salve Maria!

    Gostaria de saber se existe um ritual de bodas de ouro ou renovação dos votos do matrimônio na Igreja. Está previsto algo no missal ou ritual romano?

    Gustavo

    ResponderExcluir
  5. O ritual do matrimônio possui em apêndice a bênção de aniversário de casamento com renovação dos votos e bênção das alianças.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...