Manchetes

Nosso Parceiro

sábado, 17 de julho de 2010

Crisma da Juliana Fragetti, na forma extraordinária

No dia 4 de julho último, nossa amiga e leitora Juliana Fragetti, fiel da Administração Apostólica São João Maria Vianney, e ex-protestante, recebeu, de seu Bispo, D. Fernando Arêas Rifan, o sacramento da Confirmação, segundo o rito próprio dessa circunscrição eclesiástica: o romano na sua forma clássica. A celebração foi na Igreja Nossa Senhora da Boa Morte.

Abaixo, um texto da mesma Juliana, do seu blog, e algumas fotos.

Hoje foi um dia verdadeiramente especial. Em uma linda cerimônia, recebi(emos) a Crisma das mãos de D. Fernando Arêas Rifan, onde fomos selados com o Espírito Santo, tendo recebido a plenitude de seus dons e da sua graça. O que recebemos no Batismo, em flor, em botão, se torna pleno e vivo agora. Somos doravante soldados de Cristo e da Santa Igreja.

Algumas coisas fazem esse dia mais especial ainda: como o dia de São Pedro e São Paulo caiu numa terça (29/06), a Igreja desloca a festa e a solenidade para o domingo seguinte, onde pode-se celebrar esses dois grandes apóstolos com toda a honra merecida e os fiéis podem vivenciar e participar desse dia lindo.

Antes da cerimônia começar, tivemos um momento muito gostoso de confraternização com S. Excia: um gostoso café da manhã onde comemos e conversamos descontraidamente.

Um bom café da manhã... por Jú R. Lima.

Ele é verdadeiramente uma pessoa muito especial e é um prazer imenso ter esse sucessor dos apóstoslos como amigo - que sei que ele é - e o fato de ter sido crismada por ele me deixa muito lisonjeada, já que ele é um dos bispos mais fieis ao Santo Padre que conheço, além de ser o único bispo ligado ao rito tradicional no mundo, hoje.

Pouco antes de começar a cerimônia (a Crisma foi durante a Missa), ele dá uma palavrinha conosco e nos lembra que agora a coisa é mais séria. Que o fato de recebermos a Crisma das mãos do bispo mostra a comunhão que temos que ter com a Igreja hierárquica, já que o óleo do Crisma é ungido pelo Bispo na Quinta-Feira Santa. Uma missa linda, pois foi toda cantada pelo coro, gregoriano, linda mesmo.

Mais rico ainda foi o sermão de Dom Fernando, que por ser a comemoração de S. Pedro e S. Paulo, nos lembrou da importância da Igreja. Uma Igreja divina e humana como o próprio Cristo, lembra-nos e também isso é-nos recordado em S. Pedro. O seu lado humano é conhecido de nós: falhou, etc. E, ao mesmo tempo, ele tinha a certeza, dada pelo próprio Cristo, de que "as portas do Inferno não prevalecerão". As chaves foram dadas a ele, num sinal de poder e autoridade. Ainda nos lembrou da analogia usada por S. Paulo, onde a Igreja pe um corpo, em que seus membros tem "mais" ou "menos" importancia, mas que todos são irrigados pelo mesmo sangue. E quem irriga a Igreja é o Espírito Santo, que estávamos a receber logo em seguida.

Ainda ele nos trouxe a São Paulo o seu último livro sobre a missa. Muito bom. Ele não irá agradar a muitos, tanto de um lado como de outro, mas a verdade está dita ali.

Ponho abaixo algumas fotos da cerimônia para que vocês vejam como foi lindo.

Os paramentos do bispo por Jú R. Lima.

Detalhes por Jú R. Lima.

Tudo em ordem por Jú R. Lima.

Só conferindo por Jú R. Lima.

O altar por Jú R. Lima.

Nós juntas por Jú R. Lima.
A crismanda e sua madrinha

Rezando por Jú R. Lima.
Antes da Missa, D. Fernando Rifan reza o breviário

Uma palavra por Jú R. Lima.
Uma pequena palestra aos crismandos antes da Missa

Chamada... por Jú R. Lima.
Pe. Jonas faz a chamada dos crismandos

Começa a missa por Jú R. Lima.

Confiteor do bispo por Jú R. Lima.

Confiteor dos fieis. por Jú R. Lima.

Oremus por Jú R. Lima.

Epístola por Jú R. Lima.

Incenso por Jú R. Lima.

Homilia por Jú R. Lima.

Imposição das mãos (Crisma) por Jú R. Lima.
O Bispo impçoe as mãos sobre os crismandos

Dom Fernando impõe as mãos sobre mim por Jú R. Lima.

"confirmo te crismate salutis" por Jú R. Lima.
"confirmo te crismate salutis"

Lavando as mãos por Jú R. Lima.

Orando pelos crismandos por Jú R. Lima.

Bênção por Jú R. Lima.
Bênção sobre os crismados

Preparando o altar por Jú R. Lima.
Preparação para o ofertório

Ofertório por Jú R. Lima.

"Hoc est corpus meum" por Jú R. Lima.

"Hic est enim calix sanguinis meum" por Jú R. Lima.

Todos rezam novamente o confiteor por Jú R. Lima.

Ecce Agnus Dei por Jú R. Lima.

Guardando por Jú R. Lima.

Segundo lavabo por Jú R. Lima.

Todos juntos por Jú R. Lima.

Eu com D. Fernando por Jú R. Lima.






blog comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...